sábado, 17 de setembro de 2011

Banda Sinfônica do Colégio Salesiano Santa Rosa se apresenta no Teatro Municipal de Niterói-RJ

Maestro Baluê e a Banda do Colégio Salesiano
Marcelo Mesquita

O Teatro Municipal de Niterói abriu as portas para a apresentação da banda colegial mais antiga do Brasil, a Banda Sinfônica do Colégio Salesiano, Santa Rosa, Niterói, RJ. São mais de 120 anos de história e desde a fundação pelo Pe. Pedro Rotta, seu primeiro maestro, suas atividades jamais foram interrompidas. Atualmente, o maestro titular é Affonso Gonçalves Reis, que entrou na banda em 1948 e o maestro-ensaiador é Alexandre Baluê, que começou como músico em 1971 e hoje rege os jovens instrumentistas.
Segundo o maestro Baluê, “a responsabilidade é muito grande. É uma banda que tem 123 anos e passaram vários maestros por aqui”. Sobre a importância de se formar bons músicos, ele diz, “não só musical, mas principalmente pela formação de caráter desses jovens” e conclui, “o bom músico é o somatório de uma série de coisas: responsabilidade, disciplina, companheirismo e o próprio caráter. Na música não existe nada isolado, aqui tudo é conjunto”.
Apesar de ter conquistado vários títulos e troféus no Brasil e no exterior, dentre eles o de Patrimônio Cultural Fluminense, concedido pela Secretaria de Estado e Cultura do Rio de Janeiro e de campeã no II Festival de Música da Juventude em Zurique na Suíça, entre outros, o maestro Baluê lamenta sobre os poucos espaços para a música clássica, porém conforta-se com o bom público que ela produz, “qualquer lugar que se faça música clássica vai ter público, tocamos com o teatro praticamente lotado”, destaca.

O jovem músico e seu fagote
          A Banda Sinfônica do Colégio Salesiano já revelou diversos músicos dentre eles, Luciano Gallet (ex-diretor do Instituto Nacional de Música) e André Filho (autor de “Cidade Maravilhosa”), e hoje ela é composta de alunos, ex-alunos e membros da comunidade, entre eles Rodrigo Rodrigues, conhecido como “corpinho”, um jovem de apenas 16 anos que toca fagote e sonha em ser um excelente músico. “Para mim é uma honra tocar fagote, é muito difícil e caro, mas a banda me deu o instrumento para estudá-lo e vou seguir em frente” e finaliza, “a música representa 90% da minha vida. Comecei a ter contato com a música clássica assistindo e gostei. Melhorou o meu convívio, minha cultura, e meu conhecimento aumentou muito pela influência da música clássica”.

Maico Lopes
         Instrumentista que começou muito cedo na banda, aos 9 anos de idade, Maico Lopes aprendeu a fazer música com o pai, segundo Maico, “minha história com o Salesiano começou em 1989, foi a primeira banda que toquei e fiquei até 2002, passei um tempo fora e agora estou retornando para esse concerto” e conclui, “toda minha base e formação musical foi na Banda do Salesiano, então para mim, praticamente, devo o que sou por minha passagem por aqui”. Maico Lopes ainda teve experiência de tocar com a cantora Marisa Monte, segundo ele, “posso considerar também que foi muito importante na minha carreira como músico, instrumentista e arranjador, o trabalho com a Marisa Monte. Além de participar como trompetista, eu fiz alguns arranjos que fizeram parte dos shows, e eu sempre fui fã dela”.
Sobre ter tocado com uma cantora de sucesso, Maico finaliza, “quando recebi o convite para tocar com ela foi sensacional, para mim ela é uma artista maravilhosa nacional e internacionalmente. Fizemos shows no mundo inteiro e em todos os lugares lotados, o público cantava as músicas, foi muito bom”.
A Banda Sinfônica do Colégio Salesiano apresentou um repertório que empolgou todo o público do Teatro Municipal de Niterói em uma apresentação que ocorreu no mês de julho. Passaram por Alfred Reed, Francisco Braga, Leonard Bernstein, Glenn Miller, Arturo Marques, Guerra Peixe e Tchaikovsky. Atendendo aos pedidos, o bis veio com a clássica Cidade Maravilhosa.
Fotos: Marcelo Mesquita

14 comentários:

  1. Parabéns para a orquestra e pelo post. Temos mais é que compartilhar toda arte...

    ResponderExcluir
  2. Aqui em Curitiba a Orquestra Sinfônica do Paraná toca de graça uma vez por mês no Teatro Guaíra. Não sou muito de música clássica, mas quem sabe eu não vá um dia. Parabéns para os músicos dessa orquestra!

    ResponderExcluir
  3. Essas iniciativas são sempre muito boas e importantes .
    http://andyantunes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Boa ideia !
    concordo com andy

    http://meeninasmulheres.blogspot.com/2011/09/noiva-esperta.html

    ResponderExcluir
  5. A música clássica deveria ser obrigatória nas escolas. Desse jeito quem sabe eles não parassem de ouvir funk.

    ResponderExcluir
  6. Bacana...

    http://www.shakk.eu.pn/

    ResponderExcluir
  7. Nossa que bacana é bem tradicional mesmo essa banda sinfonica há 120 anos caramba nem fazia ideia é muito tempo.E quanta gente boa a banda já revelou muito legal.
    Obrigado por participar do meu blog abraço

    ResponderExcluir
  8. Muito bom! 120 anos de história em uma banda é tempo para caramba de contrução e gente mantendo o projeto. Parabéns pelo texto.

    Já que gosta de música, confira meu último texto sobre a musicalização nas escolas.
    http://prosaemfoco.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. ADOOORO!120 ANOS DE HISTORIA NAO E PRA QUALQUER UM!
    AHHH OBGDA PELA VISITA AO MEU BLOG!

    ResponderExcluir
  10. Oi obg pela visita e parabéns pelo blog!
    Não é muito o meu estilo musical, mas respeito muito* bacana
    estou seguindo o seu blog
    beijoss

    ResponderExcluir
  11. legalk cara um blog de entretenimento, gostei, é isso incentivo a cultura, sou compositor minhas pletras e poesias estão no meu blog depois da uma olhada lá
    http://buskavida.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. Parabéns a orquesta pelo seu trabalho, e boa sorte para que continuem tendo o seu trabalho reconhecido. Muito bacana o blog e o post ficou bem interessante.

    Espero você no meu heinn
    http://amigoperigo.blogspot.com

    \até breve/

    ResponderExcluir
  13. Eu já até tinha visto divulgações mas você descreveu super bem . Se fosse perto até iria ver.
    http://gaarotadalua.blogspot.com

    ResponderExcluir